Estrutura > Estrutura Física

Estrutura Física

Estrutura Física

 

Construído numa área de 17 mil metros quadrados, o Pasteur conta com o que há de mais moderno em termos de arquitetura e engenharia hospitalar. O projeto, comandado pela construtora Engeziler, foi cuidadosamente elaborado com o objetivo de proporcionar segurança e bem-estar aos pacientes. Como exemplo, destacam-se a instalação de janelas de vidros duplos para a proteção acústica e o sistema especial de filtragem da água – até para lavar as mãos a água utilizada é filtrada. Além disso, o complexo hospitalar é monitorado por computadores que controlam o sistema de água, a energia elétrica e a temperatura central.

O heliponto, para resgate aéreo, é outro diferencial exclusivo na região.

O Pasteur está pronto para oferecer à população vários diferenciais na área de saúde. Entre eles, destacam-se: seis salas de centro cirúrgico geral, uma delas com fluxo laminar – equipamento que impede a entrada de micro-organismos no ambiente estéril, duas salas em um centro cirúrgico obstétrico; 203 leitos; Emergência adulto 24 horas que dispõe de clínico geral, ortopedista, ginecologista e obstetra, cirurgião geral, radiologista e anestesista. O hospital ainda conta com maternidade e neonatologia de alto risco; CTI (adulto e neonatal); e suporte diagnóstico completo (laboratorial e de imagem).

Emergência

A Emergência do Hospital Pasteur é referência em atendimento de qualidade, segurança e agilidade no Rio de Janeiro. O serviço conta com uma equipe multiprofissional especializada no pronto atendimento a pacientes graves com risco de morte iminente e vítimas de traumas, nas seguintes especialidades, somente para o público adulto:

  • Clínica médica;
  • Ortopedia e traumatologia;
  • Ginecologia e obstetrícia;
  • Cirurgia geral.

Com um espaço de 600 metros quadrados, a Emergência é composta por 3 salas de triagem, 14 consultórios de atendimento médico, 16 leitos de repouso, duas salas de reanimação/trauma e salas de medicação rápida e hidratação equipadas com poltronas reclináveis, próprias para promover maior conforto àqueles que necessitam ser submetidos à medicação venosa.

A fim de priorizar os casos que inspiram mais cuidados, na avaliação primária, realizada por enfermeiro (a), o paciente é classificado de acordo com uma escala de riscos (ESI – Índice de Gravidade na Emergência), que tem como objetivo oferecer uma rápida avaliação, humanizada, com qualidade e segurança, dos pacientes que dão entrada em nosso serviço de emergência. Eles são classificados de acordo com a gravidade de seu caso, tendo como prioridade no atendimento os pacientes em estado mais grave. Confira como funciona a classificação de riscos:

  • VERMELHO – NÍVEL 1 – EMERGÊNCIA: Pacientes graves, com risco iminente de morte e que necessitam de atendimento imediato.
  • LARANJA – NÍVEL 2 – URGÊNCIA: Pacientes sem risco iminente de morte, porém com necessidade de atendimento em tempo hábil.
  • AMARELO – NÍVEL 3 – NÃO URGÊNCIA: Pacientes sem risco iminente de morte, que podem aguardar atendimento e que irão utilizar diferentes recursos após o atendimento médico.
  • VERDE – NÍVEL 4 – NÃO URGÊNCIA: Pacientes sem risco iminente de morte, que podem aguardar atendimento e que irão utilizar APENAS UM recurso após o atendimento médico.
  • AZUL – NÍVEL 5 – NÃO URGÊNCIA: Pacientes sem risco iminente de morte, que podem aguardar atendimento e que não irão utilizar NENHUM recurso após o atendimento médico.

Esse sistema de classificação foi desenvolvido por médicos e enfermeiros nos Estados Unidos e hoje faz parte da rotina de hospitais do mundo inteiro. Ele segue rigorosos critérios. A correta aplicação da escala ESI oferece ainda mais qualidade e segurança no atendimento médico, priorizando-o para quem mais necessita.

Dispomos de sistema de gerenciamento de filas para organizar o atendimento por senhas para paciente NÃO URGÊNCIA, o que diminui o tempo até o primeiro contato com o médico.

Centro Cirúrgico

Composto por seis salas equipadas para atender desde procedimentos de baixa complexidade até neurocirurgias, o complexo cirúrgico conta ainda com uma Central de Material e Esterilização e um ambiente especialmente elaborado para a recuperação anestésica de pacientes que ficam em observação até que sua consciência e estabilidade clínica sejam restabelecidas.

A tecnologia encontrada tanto nos equipamentos – entre eles os monitores de vídeo Stryker de última geração para procedimentos laparoscópicos – quanto na arquitetura das salas cirúrgicas é um dos principais diferenciais do Pasteur.

Uma das salas, indicada principalmente para a realização de implantes e colocação de próteses, possui sistema de filtragem e fluxo laminar – uma espécie de cortina de ar de alta pressão que isola a mesa cirúrgica do resto do ambiente, impedindo, assim, a entrada de micro-organismos. Essa sala realiza cinco vezes mais troca de ar do que uma normal.

Centro Obstétrico

A estrutura do Centro Obstétrico três quartos de pré-parto, duas salas equipadas para os partos e sala de recuperação exclusiva para acolher as mamães.

O Hospital Pasteur conta com a disponibilização online da foto dos recém nascidos, onde são publicados apenas os bebês que obtiverem autorização dos pais

Consulte o hospital para a possibilidade de acompanhamento do parto por um fotógrafo a sua escolha.